PROCURE POR TAGS: 

POSTS RECENTES: 

SIGA

  • Facebook Clean Grey
  • Twitter Clean Grey
  • Instagram Clean Grey

Dia de luz, festa de sol

Um belo dia de sol, uma xícara de café e alguns rabiscos no papel. O raiar do dia desperta para o novo que se inicia, para a leveza de reconhecer mais um ciclo que começa. Todas as manhãs são belas oportunidades para viver, para sorrir, para cantar e hoje é um dia especial.

Escutando O barquinho, composto por Roberto Menescal e Ronaldo Boscoli, interpretado por Nara Leão, vou cantando pelo inverno que inicia com jeito de verão no sul do Brasil. Vou deslizando os dedos pelo teclado do computador para poetar na prosa de nossos dias...


Dia de luz, festa de sol E o barquinho a deslizar No macio azul do mar

Tudo é verão, o amor se faz No barquinho pelo mar Que desliza sem parar Sem intenção, nossa canção

Vai saindo desse mar E o sol Beija o barco e luz Dias tão azuis

Os dias tem sido exatamente assim desde que começamos a construir os afetos e as parcerias, de todas as ordens. Toda paz que me traz e que alcanço traz consigo a presença do mar, que está tão longe de mim, traz os aromas, as cores, o toque da brisa. Predicados cheios de beleza e harmonia, você me possibilita reconhecer a beleza dos traços de uma face cheia de esperança e de determinação.

Volta do mar, desmaia o sol E o barquinho a deslizar E a vontade de cantar

Céu tão azul, ilhas do sul E o barquinho, coração Deslizando na canção

Tudo isso é paz Tudo isso traz Uma calma de verão E então O barquinho vai E a tardinha cai

Cantando com alegria e emoção estou a sentir neste momento o rodopiar e balançar do corpo, para agradecer o encontro, as calmas e o fluir por nossos sonhos, contos, histórias e canções. Eles nascem sem se perceber, só sentindo, apenas dançando durante os dias. Então, vai dia especial... leva a bela flor a sentir a canção que dedico a ela, a emoção de viver momentos de afeto, aos sentimentos que deslizam pelos carinhos.


E então O barquinho vai E a tardinha cai

Bossa para lá, bossa para cá continuo cantarolando e balançando o corpo. Vem comigo flor do dia especial. Você como luz ou como sombra ergue os mais doces sonhos, partilha a vida e guia o barquinho pelos dias com muita sabedoria e encontra seus caminhos, nos ajuda a encontrar nossos próprios caminhos. Só peço que me permita seguir nele com você... aprendendo, sonhando, achando-se e perdendo-se por esta vida cumprida. Que os dias sigam iluminados e que as ranhuras deles não apaguem a beleza de seu olhar e de sua alma.


Flor especial do dia, gratidão por me ensinar tanto, por ser estrelinha que ilumina meu/nossos barquinhos pelos dias...


Feliz dia, feliz ano, feliz ciclo... aLUMIa nossas vidas como sempre faz!



Fonte da Imagem: Marcela Ferreira Marinho

  • b-facebook
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now