PROCURE POR TAGS: 

POSTS RECENTES: 

SIGA

  • Facebook Clean Grey
  • Twitter Clean Grey
  • Instagram Clean Grey

Quando nos conhecemos

O céu azul, a grama verdinha... estou aqui relembrando, escrevendo e sentindo a brisa em meu rosto de leve.


Não posso tocar em você, falar com você. Tão vital no dia de hoje, como o sonho surpreendente que me fez acordar no pulo e a resposta à pergunta foi sim! Sim, ainda te amo... é vital explicar que não há escolha , é simplesmente um sentimento.


Sem você os dias são bem sem graça! Mas reinventar-se faz parte de mim e ando criando tantas coisas, tenho vivido e aprendido tanto que está tudo bem! Coisas de gente dinâmica que não espera acontecer.


Hoje seria mais um dia nosso... celebraríamos o que dia que nos conhecemos.... E quem disse que não podemos? são encontros belíssimos pelo mundo e tenho saudades dos nossos jantarzinhos a dois. Todavia vamos recordar.... Ah! Aquele abraço no hall do nosso prédio, tão inesperado. Chovia, você queria ir de carro e eu caminhando, você decidiu que não! Cavalheiro insistiu, eu teimosa ainda tentei, mas tudo bem aceitei o acolhimento e os cuidados, abriu a porta do carro para mim.


Horas e horas conversando! pizza doce e salgada, bebemos água! Naquele momento fui companheira, (você não bebe e achei lindo) e como sempre fui sua companheira te acompanhei. Falamos sobre tudo... vida, experiências, relacionamentos, fomos transparentes, sorridentes! Sonhos... rosto corado, olhos curiosos, me senti observada por dentro e por fora com muita intensidade e conforto. Sua pergunta mais importante, VOCÊ VAI FICAR EM CAXIAS? Sim! Respondei. Tudo era tão perfeito que não percebemos que só havíamos, praticamente, nós dois no restaurante! Paguei a conta! Quis mostrar que sou companheira, não faço parte de uma tal "caixa" que você tanto havia mencionado.


Caminhamos lentamente até o carro, senti que estava envergonhado, mas se aproximou e me abraçou timidamente como se tentasse me envolver, sentir minha energia, minha pele, ali compreendi que você se abriu e meu coração se encheu de luz!


Chegamos em casa, entramos e estacionamos. Você me olhou e perguntou se gostei. Eu tímida afirmei que sim (você tomou coragem), tocou meus cabelos, me olhou nos olhos, puxou meu rosto e me roubou um beijo... único e inesquecível... 05/05/2019...

Muitos aprendizados, muito vivências... muita vida para compartilhar e sentir... escolhas surpreendentes foram feitas e o livre-arbítrio te conduziu... há vida e amor em mim... seguimos as escolhas e como diz o poeta Chico Buarque!


"Tem dias que a gente se sente Como quem partiu ou morreu A gente estancou de repente Ou foi o mundo então que cresceu A gente quer ter voz ativa No nosso destino mandar Mas eis que chega a roda viva E carrega o destino pra lá Roda mundo, roda-gigante Roda moinho, roda pião O tempo rodou num instante Nas voltas do meu coração A gente vai contra a corrente Até não poder resistir Na volta do barco é que sente O quanto deixou de cumprir Faz tempo que a gente cultiva A mais linda roseira que há Mas eis que chega a roda viva E carrega a roseira pra lá"



Amor, resiliência e fé...


Cartas que nunca não serão lidas...


Em busca de companheirismo para compartir o amor na jornada da vida... tão simples como os abraços de boa noite, os jantares feitos a quatro mãos e os protetores auriculares durante a noite ao dormirmos juntos... Gratião!

Fonte da Imagem: Marcela Ferreira Marinho

  • b-facebook
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now