Por onde andava você com sorrisos e olhares que embriagam minha vida?

Por onde vivia você com sensibilidade e leituras que alimentam meus dias?
Por onde trilhava você com amabilidade e suavidade que enfeitiça a poetisa?

Quando aproximamos estradas, encontros e descober...

01.10.2018

Mais uma vez aqui,
tentando enxergar no escuro da madrugada,
escutar no silêncio que fala aqui dentro,
que insiste em me perguntar;
meu Deus, que amor é esse que não cabe em mim?
Que me faz desejá-lo tão intensamente?
Que inquieta-me por querer cuidá-lo,
e sabendo-me i...

Na semana do turismo e, especificamente, no dia 27/09 quero escrever sobre o sentimento que venho construindo. Extrapolando a passionalidade da minha relação com a área, me coloquei a pensar sobre influencias, mudanças, perspectivas. Claro que são meus olhares, minhas...

Lembro bem do dia em que Luani me disse “você vai adorar conhecer Simone”. Distantes alguns muitos Km, tínhamos a virtualidade a nosso favor. A descrição de Lu assemelhava a alguém conhecida e próxima o que levou ao inevitável “oi” automático no aplicativo. A conversa...

Entre cheiros, sabores, paisagens cheguei aos sete dias do mês de junho de 2017 na cidade do Porto/Portugal. O coração que nunca foi desejante de aventuras pelo velho mundo se tornou um apaixonado pelas tonalidades, formas e densidades das vivências que estavam por vir...

“O meu coração pulsa desvalido,

O meu coração repulsa combalido,

Escorre lama de putrefação do órgão,

Mórbida, caótica, pulsa-repulsa, repulsa-pulsa,

A lama de deterioração.

Eu estou a so-breviver,

Em meu jazigo, minha residência,

O meu abrigo derradeiro,

Onde fatigado pulsa-r...

Hoje acordei com sentimento de estranheza e constatação, algo mudou. Sim, meu ano foi embora! O melhor e o pior. “Feliz ano novo Marcela”, “Feliz aniversário”. Esse dia especial é momento de parada e reflexão. Nos últimos tempos aprendi uma palavra nova com minha orien...

Corações em pedaços espalhados pela cidade, pelo país, pelo oceano. Agora eles, ainda mais pequeninos, estão traçando uma rota impossível de percorrer a pé. Já não alcanço você! São muitas partes que compõe nossa história, desejos e, aparentemente, alguns devaneios meu...

Acordei aquele dia com a sensação de que algo iria acontecer. As horas foram passando e nada me fazia sentir conforto entre sensações de angústia e de dores no estômago. Lembro claramente quando me disse a verdade, como despenquei junto aos sonhos, os planejamentos, a...

Mote:

“A um passo dos seus pés

Existe um pedestal. ”

(Nilo Barbosa/R. Santos).

Glosa:

“Meramente banal. ”

“A um passo dos seus pés

Existe um pedestal

Aqui estou a admirar

Seus belos olhos

Porém sinto-me a desfalecer

Joga enfim a pá de cal

Por cima deste ser

Meramente banal. ”

 Fonte...

Please reload

02.01.2019

17.12.2018

Please reload

POSTS RECENTES: 

SIGA

QUEM SOU EU?

Gosto do que vejo, do que me torno e do que ainda posso ser. Gosto da intensidade, do brilho e do sorriso, gosto até do que não gosto, pois me faz diferente e única. Tão cheia de defeitos, mas tão cheia de qualidades... leveza, leveza, leveza... me alcança e acalenta meu coração cheio de tempestades!

Please reload

PROCURE POR TAGS: 

  • Facebook Clean Grey
  • b-facebook
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now